Um Nu honesto

Já sonhou em posar nua?  Sei lá acho que uma ‘boa’ parte das mulheres já ao menos pensaram nessa possibilidade, eu assumo que já pensei, mas dai acabei me vendo nua e desisti…. mas e se… as suas imperfeições fossem o destaque desse ensaio? Não de uma forma ruim, mas sim muito boa e até didática, o fotógrafo de Minneapolis (EUA) Matt Blum, faz fotografias do que ele chama de ‘Nu Honesto’, ou seja, sem maquiagem e sem glamour.

São retratos de mulheres lindas, com suas imperfeições, fotografadas nas suas casas, em momentos cotidianos, relaxados. O projeto teve início em 2005 e manteve-se fiel a versão original, ele já fotografou cerca de 150 mulheres, depois de ter produzido galerias de nus femininos da América do Norte e do Sul, Blum pretende agora recolher imagens de mulheres da Península Ibérica, as mulheres interessadas se candidatam pelo site. Matt já passou pelo Brasil, deixando sua marca de ‘honestidade’ por aqui. Blum é casado com a também fotógrafa Katy Kessler.ImageImageImageImageImageImageImageImageImageImageImageImageImageImageImageImageImageImageImageImageImageImage

Em entrevista para o site Scream & Yell, Matt comentou as diferenças entre Europa e Américas com relação ao corpo nu: “na Europa rola uma atitude diferente em relação à nudez. É comum você ver uma modelo de topless em um outdoor, e há mais espaços públicos para andar sem roupa. No Brasil e nos EUA já existem tabus – com diferenças locais, mas ainda assim, tabus. O biquíni brasileiro não seria aceito nos Estados Unidos, por exemplo, porém ambos os países têm uma barreira com a nudez. No Brasil é ainda mais curioso, porque no Carnaval ela é quase onipresente, mas o resto do ano é tomado de pudor.”

Stencil estilo mulherzinha

Lá estava eu na minha caçada semanal por um assunto interessante para escrever, eu admito que andei BEM preguiçosa com o fim de ano/início de ano, e não escrevi nada. Mas enfim, to voltando ‘cá corda toda’.

Durante a minha caçada achei uma artista chamada NeSpoon que uniu padrões rendados com grafite e esculturas feitas de argila e aplicada no chão, por exemplo. Fazendo intervenções urbanas delicadas e ‘inusitadas’, essa artista está conquistando meu coração!!

ImageImageImageImageImageImageImageImageImageImageImageImageImageImageImageImageImage

Ettore Cavaliere

Eu sempre gostei de colagens, desde os primórdios da minha vida, tive um guarda-roupas tomado por imagens, enfim, fazia colagens em tudo o que eu tinha, isso só continuou e se aperfeiçoou, todo o designer, artista, estilista que eu conheço tem um pouco essa bela mania, de recortar imagens e reunir num contexto próprio, é uma forma de arte muito democrática, muitas vezes pegar a arte dos outros e modificar de acordo com o nosso olhar.

Esses dias, descobri um artista italiano que mistura tudo, animais, antiguidades, clássicos, natureza, arte e putaria! Não tem como não amar o trabalho do Cavaliere, que usa como inspiração trabalhos de Andy Warhol e Rauschenbe

 

rg.

Posters Soviéticos

Um dia desses, eu estava procurando algum App diferente de imagens e tal, e acabei encontrando um chamado Soviet Posters (existia um pago e um grátis, e por razões lógicas eu baixei o grátis), esse aplicativo disponibiliza vários cartazes das campanhas a favor do regime da União Soviética, eu não vou explicar aqui o que se tratava exatamente, até porque não é o foco do post, mas a questão é que isso me despertou ainda mais a minha curiosidade e comecei a explorar isso dos cartazes. Descobri que o aplicativo é uma extensão de um blog que fala sobre esses posters e a história por trás disso tudo, fala até sobre as cores que eram usadas e explica o contexto, pra quem adora explorar história é um prato cheio.

Esses cartazes tinham um design interessante, e que sim eles tem um papel fundamental na memória do povão, as cores predominam o vermelho, preto e branco, com exceção de alguns cartazes de ballet e teatro que usavam de outras cores, mas isso não era sempre.

Se encantem, ou não com os Cartazes Soviéticos, o design deles é muito interessante, as mensagens muitas vezes impactantes, vale a pena dar uma olhada!!

 

 

Annie Leibovitz

Pra quem não conhece, Annie Leibovitz é uma fotógrafa famosa por retratos intimistas de uma cambada de artistas do mais alto nível do cinema e afins (gente ryca e famosa). Já começou fotografando para revista Rolling Stone, isso nos anos 70,  colaborando muito com a identidade da revista, justo por esse jeito de fotografar, de uma maneira divertida e informal, ela tem muitas fotos famosas, e com certeza você conhece algum trabalho dela, às vezes a gente não liga o nome a pessoa, mas agora a lembrança vem à tona. Entre os ricos e famosos que ela já fotografou estão John Lennon  com Yoko Ono, Tom Cruise, Katie Holmes, The White Stripes, Rolling Stones, George Clooney, Meryl Streep,  Elizabeth II, Mikhail Baryshnikov, Demi Moore (aquela foto famosa dela nua e grávida na capa da Vanity Fair), Kate Moss, Michael Jackson, Angelina Jolie, Whoopi Goldberg, etc.

Desde 2007 ela vem fotografando para Disney com vários artistas dessa laia, o nome da campanha é algo como “Year of a million dreams”, em 2011 ela soltou as últimas três fotos dessa série, e há boatos que vem mais por aí!!